quarta-feira, 24 de julho de 2019

Em Blade Runner , Rutger Hauer improvisou um dos monólogos mais belos da história do cinema


"All those moments will be lost in time, like tears in rain." 

Rutger Hauer , que nos deixou hoje aos 75 anos, improvisou essa fala em#BladeRunner . Poético e impactante, o monólogo improvisado deu mais vida e profundidade ao seu personagem no filme de Ridley Scott e se tornou um dos mais belos da história do cinema.

 Dentre os seus trabalhos, o papel mais icônico foi na clássica ficção científica de Ridley Scott, "Blade Runner - O Caçador de Androides" de 1982,no qual viveu Roy Batty, líder dos replicantes.
Na última cena de "Blade Runner", o personagem de Hauer profere um dos monólogos mais bonitos da história do cinema, na minha opinião : "Eu vi coisas que vocês não imaginariam. Naves de ataque em chamas ao largo de Órion. Eu vi raios-c brilharem na escuridão próximos ao Portal de Tannhäuser. Todos esses momentos se perderão no tempo, como lágrimas na chuva. Hora de morrer."
Viva Rutger Hauer !!!!

Assista a cena abaixo :




PS: Que ironia da vida : Rutger Hauer morrer justamente em 2019, o mesmo ano em que o maior personagem de sua carreira encontrou o seu destino na ficção, numa das cenas de morte mais poéticas do cinema.
Post Anterior
Próximo Post

Sobre o Autor

O 1º TAKE é um espaço criado para dividir com os leitores assuntos interessantes sobre música,séries, cinema, teatro e arte em geral. Blog editado pelo louco Walther Jr. ,um espectador apaixonado por cinema,teatro,música,cerveja, vinho,pizza,pão na chapa,churrasco,lasanha,empada,pão de queijo... Ou seja,sou normal como todo mundo, não esperem nada profissional por aqui. Forte abraço e um viva a sétima arte.

0 comentários: